Quando O Reino Vem

de Germana Downing

 



 

“Venha a nós o vosso reino”, dizemos quando oramos o Pai Nosso. Em Lucas temos o privilégio de ver como o Reino de Deus veio nas vidas de algumas pessoas. E sobretudo como o nosso Rei veio, e os eventos relacionados a essa vinda. Em Lucas 1:5-25 um anjo anuncia o nascimento de João Batista, aquele que iria adiante do Senhor(1:7).

Depois, o mesmo anjo é enviado a outra pessoa, noutra cidade. Mas, ele não é enviado a um sacerdote, de idade avançada (Lc 1:7). E sim, a uma virgem, bem jovem, talvez entre 14 e 16 anos. O que ele vai encontrar agora? No primeiro caso, o sacerdote, que era justo, não acreditou (Lc 1:20). O que esperar então desta adolescente?

Mais uma vez, Deus tomou a iniciativa: Ele enviou o anjo (1:26), o qual aproximou-se de Maria (1:28), disse a ela qual era o plano de Deus (1:30) e falou-lhe que o Espírito Santo viria sobre ela (1:35). A princípio temos a impressão de que a parte que cabia a Maria era “apenas” não ter medo (1:30), ficar grávida e dar à luz um filho, dando-lhe o nome de Jesus (1:31). Mas será que era só isso?

Esse filho não seria um filho comum: “Ele será grande e será chamado Filho do Altíssimo. O Senhor lhe dará o trono de seu pai Davi, e ele reinará para sempre sobre o povo de Jacó; seu reino jamais terá fim” (1:32-33). Será que Maria compreendeu tudo o que o anjo disse? Ou será que ela parou na parte “Você ficará grávida”(1:31) e por isso perguntou: “Como acontecerá isso, se sou virgem?” (1:34)

Uma vez que o anjo explicou como se daria a concepção, Maria ficou satisfeita. Uma fé pura e sincera. Aquele filho que receberia o trono de Davi e que reinaria para sempre sobre o povo de Jacó já tinha uma mãe que cria e se submetia à vontade de Deus. “Sou serva do Senhor; que aconteça comigo conforme a tua palavra.”, disse ela. Ela era serva de Deus e seria também do filho que carregaria em seu ventre.

Este Rei ainda reina sobre todo o universo, mas Ele quer reinar em mim e em você. Ele reinou em Maria e assim Deus cumpriu promessas há muito feitas. Que mais promessas ele quer cumprir em você ou através de você? Pode ser que Ele apenas esteja esperando que você pare, ouça e diga “Sou serva(o) do Senhor; que aconteça comigo conforme a tua palavra.”

“Repreendo e disciplino aqueles que amo. Por isso, seja diligente e arrependa-se. Eis que estou à porta e bato. Se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei e cearei com ele, e ele comigo. Ao vencedor darei o direito de sentar-se comigo em meu trono, assim como eu também venci e sentei-me com meu Pai em seu trono." (Apoc. 3:19-21)

Veja de Germana Downing o texto anterior "Mas".
Veja também a imagem especial deste texto em tamanho maior (1024x823) Lucas 1:26-27.



  Copyright © 2011 Germana Downing. Todos os direitos reservados.