A Palavra vai se cumprir

de Dennis Downing

 



 

Então o Diabo o levou à cidade santa, colocou-o na parte mais alta do templo e lhe disse: “Se és o Filho de Deus, joga-te daqui para baixo. Pois está escrito: “ ‘Ele dará ordens a seus anjos a seu respeito, e com as mãos eles o segurarão, para que você não tropece em alguma pedra’”.

Jesus lhe respondeu: “Também está escrito: ‘Não ponha à prova o Senhor, o seu Deus’”. Mateus 4:5-6

Citar Escritura é a coisa mais fácil no mundo. Até o Diabo sabe fazer e faz bem feito. Ele é um exegeta habilidoso.

Infelizmente, ele também tem muitos alunos servindo sua causa de confundir os fiéis. Se não formos honestos e não respeitarmos o contexto de uma passagem, podemos distorcê-la a ponto de levá-la a dizer exatamente o contrário do que Deus intencionou.

É por isso que a leitura e o estudo constante da Bíblia são tão importantes. Quanto melhor você conhece a Palavra de Deus, mais difícil será para o inimigo lhe confundir.

Quando alguém lhe mostrar algo na Bíblia que parece estranho ou diferente, verifique primeiro se aquele ensino está de acordo com outras passagens sobre o assunto. Uma boa concordância ou Bíblia com referências ajuda nisso.

O melhor intérprete da Bíblia é a própria Bíblia. Deixe ela confirmar e elucidar qualquer dúvida que você tenha.

E ore sempre para que Deus lhe dê sabedoria e discernimento para interpretar e aplicar adequadamente a Palavra do Senhor. Ele atenderá seu pedido e lhe mostrará a verdade.

Jesus lhe respondeu: “Também está escrito: ‘Não ponha à prova o Senhor, o seu Deus’”. Mateus 4:7

O Diabo queria que Jesus testasse as promessas de Deus.

Até hoje muitos caem na mesma armadilha. E o Diabo nem precisa provocar. Nós mesmos lançamos as dúvidas.

- Se Deus é amor como é que ele deixou meu filho ou minha mãe sofrer assim?
- Se Deus é tão bom, por que eu ainda não consegui um emprego?
- Se Deus está ouvindo as minhas orações por que eu não estou sendo curado desta doença?
- Por que eu ainda não consegui vencer esta tentação que me atormenta há tantos anos? - Por que, por que, por que....

Deus é amor. Ele cuida de nós e promete alívio na tentação. Mas, ele age e cumpre suas promessas de acordo com sua soberana visão, não só das minhas necessidades e expectativas, mas, de um mundo inteiro de filhos e filhas e das suas necessidades.

O erro não está em esperar que Deus cumpra suas promessas, mas, que ele as cumpra de acordo com as nossas expectativas, quando e como nós bem entendemos e da forma que vai nos beneficiar como queremos.

O verdadeiro filho de Deus confia em seu Pai, mesmo quando tudo que ele vê diz o contrário. Ele confia porque a Palavra de Deus diz que podemos confiar. Ele espera porque a Palavra de Deus promete que nossa confiança nEle não será em vão.

Você pode confiar em Deus assim? Jesus, que se recusou a por Deus à prova, virou com tempo a maior prova de todas as promessas do Pai. Seja como Jesus. Confie em seu Pai. Ele não vai lhe decepcionar. A Palavra dEle vai se cumprir em sua vida, seja hoje, ou seja amanhã. Ela vai se cumprir.

Oremos: Santo e eterno Deus, onde estaríamos sem as Escrituras para nos guiar? No entanto, precisamos de sabedoria e discernimento para interpretá-las e aplicá-las às nossas vidas. Ajude-nos pelo auxílio do Espírito, pelas aulas e livros de irmãos mais maduros, e sobretudo pelo conhecimento pessoal da pessoa de Jesus. Quanto mais o conhecermos, melhor compreenderemos a vontade do Senhor. Em nome de Jesus oramos. Amém.

Veja a imagem especial de Romanos 15:4.
Assine o devocional diário "Jesus disse..." e receba todo dia totalmente de graça uma reflexão como esta.


Copyright © 2012 Dennis Downing. Todos os direitos reservados.